ONDE A VIDA EM TI… JAMAIS TERÁ FIM…

Senhor,

vivo em meio a tantos ataques…

Sei que não és culpado…

porque conheço o teu querer que é santo…

e por ele sou santificado…

Por isso, sei quem me ataca constantemente…

É o terrível demente que luta contra Ti…

Mas, já me acostumei a me defender…

 

Ó meu Senhor…

Por teu querer que é infinito…

Grito do fundo de minha alma…

Não quero o pecado,

não aceito o mal, não aceito…

E é esse o meu jeito de ti dizer sim…

De ti amar e glorificar…

 

Por que, como posso Senhor,

deixar o infinito do teu amor…

pelo querer das criaturas?

Como deixar o aconchego de tua ternura…

para me entregar ao limite que bem conheço…

e por isso mesmo sei que nunca satisfaz?

Não, não posso deixar a tua paz bendita…

pela maldita carência dos apetites infernais…

 

Senhor, em Ti…

Somos homens novos…

à caminho dos novos céus e da nova terra…

que encerra infinitamente…

toda grandeza da obra de tuas mãos…

 

Ora, tudo isso para nós é revelação…

e não tem como duvidar…

Visto que, neste caso,

a dúvida ou é medo ou é teimosia…

Agonia de um coração que não sabe…

ou não quer te amar…

 

Aqui, não estou me referindo à dúvida sadia…

Ou seja, aquela com gosto de sabedoria…

que perscruta a verdade…

nascida da intimidade…

de quem quer saber…

para amar mais…

 

Por isso, Te peço meu Senhor…

Livra-nos dos ataques do inimigo…

Afasta de nós todo perigo que leva à perdição…

Dá-nos o teu perdão constantemente…

para que a semente da santidade,

plantada em nossos corações arrependidos…

Dê frutos que nos levem ao teu eterno convívio…

Onde a vida em Ti…

jamais terá fim…

Paz e Bem!

Frei Fernando,OFMConv.